GeoEstratégia, Aviação, Defesa, História, Conflitos, dentre outras coisas...

terça-feira, julho 24, 2012

canhão português encontrado na Australia pode reescrever a história do país

By on 24.7.12
Christopher Doukas, de 13 anos, encontrou numa praia do norte da Austrália aquilo que se julga ser um canhão pedreiro como os que eram utilizados nos navios portugueses do século XVI.
 
A descoberta remonta a Janeiro de 2010 (tinha então o jovem australiano 11 anos), em Dundee Beach, a cerca de duas horas de Darwin, numa altura em que se registaram marés excepcionalmente baixas. 

Christopher Doukas conseguiu andar bastante além da costa, quando encontrou o canhão e, com a ajuda do pai, o levou para casa. Ao descobrirem que era feiro de bronze, perceberam que seria algo antigo. 

A mãe, Barbara, informou o Museu de Darwin sobre a descoberta, mas só nas últimas semanas é que o artefacto foi pedido à família australiana para ser examinado, não tendo ainda sido confirmada a sua origem. A Imprensa local admite que poderá pertencer aos portugueses do século XVI. 

Portugal ocupou Timor, no sudeste asiático, em 1515, mas a possibilidade de os exploradores lusos terem viajado no início do século XVI mais cerca de 700 quilómetros, até à costa norte da Austrália, ainda está por provar. 

Especialistas deverão analisar a autenticidade da arma e a relação entre o local onde foi descoberta, bem como a eventual chegada dos portugueses à costa norte da Austrália no século XVI, de acordo com a agência noticiosa australiana AAP

Outra possibilidade é que o objecto tenha sido levado pela maré até esse lugar ou que tenha sido deixado por comerciantes do século XVI, refere o mesmo despacho daquela agência.  

Fonte: JN


0 comentários:

Frases

Popular Posts

Postagens mais visitadas

Popular Posts