GeoEstratégia, Aviação, Defesa, História, Conflitos, dentre outras coisas...

domingo, janeiro 06, 2013

Ex-chefe de inteligência de Israel acusa Netanyahu de ser obcecado pelo Irã

By on 6.1.13
O ex chefe do serviço de inteligência doméstico de Israel, o Shin Bet, afirmou que o primeiro ministro israelense Benjamin Netanyahu é um líder “pouco confiável” e que ele está “obcecado pelo Irã”. Em entrevista publicada nesta sexta-feira (4) no jornal Yediot Aharonot, Yuval Diskin, que chefiou o Shin Bet de 2005 a 2011, disse que as decisões de Netanyahu são tomadas de modo “temerário e irreflexivo”.
http://2.bp.blogspot.com/-FxSwLJY4ROo/UGXpSmbNvLI/AAAAAAAAA2c/29hGhw1IH-c/s1600/netanyahu-reuters.jpg“Netanyahu é assustadiço, volúvel e foge de resposabilidades”, afirmou Diskin. Para ele, existe “uma crise de lideranças e valores” no governo do premiê, assim como um “total desapreço” pelos cidadãos. Segundo Diskin, outros líderes israelenses com que trabalhou, como Isaac Rabin, Simon Peres, Ariel Sharon e Ehud Olmert, “sabiam como colocar o interesse nacional acima de qualquer coisa”.
Na opinião do ex-chefe da inteligência, as atitudes de Netanyahu para com a questão iraniana são reflexo de sua intenção de assegurar para si um lugar na história. “Netanyahu quer ficar na história como alguém que fez algo grande. Já o escutei diminuindo os feitos de seus predecessores e falar que sua missão em relação ao Irão é muito maior”, relembrou Diskin.
O escritório do primeiro ministro respondeu  em um comunicado, alegando que Diskin deu as declarações por motivos pessoas. “As ridículas declarações de Diskin, que até metade do ano passado queria liderar o Mossad (o serviço de inteligência exterior) ao lado de Netanyahu, são infundadas”, pontuou o texto.
Segundo o comunicado, Diskin atacou o primeiro ministro na entrevista “por razões políticas, devido a sua frustração em não ter sido nomeado chefe do Mossad”.

Fonte: Sul 21

0 comentários:

Frases

Popular Posts

Postagens mais visitadas

Popular Posts