GeoEstratégia, Aviação, Defesa, História, Conflitos, dentre outras coisas...

sexta-feira, março 22, 2013

Japão diz-se preocupado com venda de material militar pela França à China

By on 22.3.13

O Japão manifestou hoje preocupação com a venda nos últimos meses de material militar pela França à marinha chinesa para a aterragem de helicópteros em navios.

"Manifestámos a nossa preocupação", disse o secretário-geral do Governo japonês, Yoshihide Suga, em conferência de imprensa.
Um funcionário do Ministério dos Negócios Estrangeiros japonês, citado pela agência AFP, indicou que o protesto foi transmitido a França através da embaixada do Japão. 

De acordo com o diário francês Le Marin, a Direção de Sistemas de Construção Naval vendeu 11 grades de aterragem para helicópteros e drones que vão equipar os dois primeiros navios patrulha de um novo programa de vigilância da guarda costeira chinesa. 











Esta situação é considerada por Tóquio como uma nova ameaça na defesa das ilhas Senkaku, reivindicadas por Pequim sob o nome de Diaoyu.
Pequim envia com regularidade navios, e aviões, para a região desde que o Estado nipónico nacionalizou, em setembro, três das cinco ilhas, adquirindo-as ao seu proprietário privado japonês. 

Face ao aumento das tensões, Tóquio anunciou recentemente a constituição de uma força especial de 600 homens e 12 navios para monitorizar e proteger as ilhas, a 200 quilómetros a nordeste de Taiwan e a 400 quilómetros a oeste de Okinawa, no sul do Japão. 

Fonte: RTP

0 comentários:

Frases

Popular Posts

Postagens mais visitadas

Popular Posts