GeoEstratégia, Aviação, Defesa, História, Conflitos, dentre outras coisas...

quinta-feira, maio 23, 2013

EUA reconhecem que mataram cidadãos americanos com drones

By on 23.5.13
O secretário de Justiça dos EUA, Eric Holder, disse nesta quarta-feira (22) que os Estados Unidos mataram quatro americanos em operações de contraterrorismo, três deles com drones (aviões não tripulados) no Iêmen e em outros lugares.
Holder citou os quatro em uma carta para os membros do Congresso, um dia antes de o presidente dos EUA, Barack Obama, dar um discurso à nação sobre o uso de drones.
A carta defende a morte de Anwar al-Awlaki, imã radical americano que foi alvo intencional de um ataque de drone.
http://1.bp.blogspot.com/-5sb9lW2OjIw/Tw668dRQMUI/AAAAAAAAH9U/hIdon4GEUV8/s1600/Drone11111111-133298-640x480.jpg "Em suas operações antiterroristas contra a Al-Qaeda e seus colaboradores, os Estados Unidos buscaram especificamente e mataram o cidadão americano Anwar al-Aulaqi", diz a carta.
Washington acusava Aulaqui, nascido nos Estados Unidos em uma família iemenita, de controlar o braço da Al-Qaeda no Iêmen e de estar envolvido na organização de ataques, incluindo o atentado frustrado contra um avião americano por parte de um jovem nigeriano no Natal de 2009.
O ataque com drones no Iêmen matou ainda dois cidadãos americanos que não eram alvo: o filho de 16 anos do imã, Abderrahmán al Aulaqi, e o colaborador da Al-Qaeda Samir Khan.
O quarto americano morto em ataque com drone é Jude Kenan Mohammed, que segundo o FBI nasceu em 1988 na Flórida e se encontrava no Paquistão, disse Holder.

Fonte: G1

0 comentários:

Frases

Popular Posts

Postagens mais visitadas

Popular Posts