GeoEstratégia, Aviação, Defesa, História, Conflitos, dentre outras coisas...

quinta-feira, outubro 03, 2013

Sauber confirma interesse em contratação de Barrichello para 2014

By on 3.10.13

A diretora da Sauber, Monisha Kaltenborn, confirmou nesta quinta-feira o interesse na contratação de Rubens Barrichello, afastado da F1 desde o fim de 2011, para a próxima temporada.
A possibilidade do retorno do brasileiro foi comentada pela revista alemã “Auto Motor und Sport” na semana passada. Segundo a publicação, o veterano teria um bom pacote financeiro – fala-se em cerca de 10 milhões de euros (R$ 30 mi) – para oferecer à equipe de Hinwil, que até então tem apenas o jovem russo Sergey Sirotkin, 18, como titular confirmado para o ano que vem.
A experiência de Barrichello também é vista pela equipe como um trunfo na fase de transição para o regulamento técnico de 2014, quando a F1 voltará a permitir motores turbocomprimidos na categoria. A dupla atual do time, formada por Nico Hulkenberg e Esteban Gutiérrez, não deve se repetir no ano que vem: o alemão é um dos candidatos a assinar com a Lotus, enquanto o mexicano, que estreou neste ano, não é considerado suficientemente prático para liderar o projeto de Hinwil na próxima temporada.
http://1.bp.blogspot.com/-QctSzACNz9U/UkWie-ynfBI/AAAAAAAAKIE/r4kIOdavYSU/s1600/barrichello_na_sauber_boato.png
“Vamos anunciar nossa dupla de pilotos no seu devido tempo”, disse Kaltenborn, quando questionada sobre as chances de Barrichello, em entrevista ao blog do jornalista Adam Cooper. “Há uma porção de alternativas. Sabemos o que ele tem [para oferecer], sua experiência, sabemos que ele gostaria de voltar, então temos que analisar”, completou.
Em contrapartida, a dirigente negou que Barrichello tenha chances de correr pela Sauber no GP do Brasil, em novembro. A informação foi veiculada pelo jornal “O Estado de São Paulo”, na semana passada. “Não vejo nenhuma possibilidade disso, pois não temos nenhum motivo para mudar nossa dupla para esta prova”, declarou Kaltenborn.
Aos 41 anos, Barrichello é o piloto com maior número de GPs disputados na F1 – 322. Estreando na categoria máxima em 1993, o paulistano defendeu seis equipes – Jordan, Stewart, Ferrari, Honda, Brawn e Williams – e obteve 11 vitórias, 14 poles e 68 pódios. O paulista deixou o esporte no fim de 2011, quando foi dispensado pela Williams para dar lugar ao conterrâneo Bruno Senna. Atualmente, ele defende a equipe Medley Full Time na Stock Car.
 
Do UOL

0 comentários:

Frases

Popular Posts

Postagens mais visitadas

Popular Posts