GeoEstratégia, Aviação, Defesa, História, Conflitos, dentre outras coisas...

segunda-feira, março 28, 2016

Irã encomendou 50 aviões da Embraer

By on 28.3.16
O Irã, que pretende modernizar a sua frota de aviões, encomendou 50 aeronaves do grupo brasileiro Embraer, terceira maior fabricante de aeronaves comerciais do mundo depois da Boeing e da Airbus, informou nesta terça-feira um porta-voz do governo iraniano.
Como outras encomendas feitas desde a suspensão das sanções internacionais em janeiro sob o Acordo nuclear iraniano com as grandes potências, trata-se de um contrato de arrendamento, de acordo com o porta-voz Mohammad Bagher Nobakht.
"O governo não vai gastar seus recursos limitados em coisas como a compra de aviões", acrescentou, citado pela agência Mizan (ligada ao Poder Judiciário iraniano).
O Irã já anunciou a compra de 40 aeronaves ao grupo francês ATR, líder mundial em aeronaves turboélice e assinou um contrato para a compra de 118 aeronaves Airbus para serem entregues nos próximos quatro anos.
A encomenda junto ao Airbus inclui 73 aeronaves de fuselagem larga e 45 de corredor único (longo e médio alcance) por um montante de 10 a 11 bilhões de dólares, de acordo com o vice-ministro dos Transportes, Asghar Fakhrieh Kashan.
Trata-se igualmente de um contrato de arrendamento, de acordo com o porta-voz do governo.
Cerca de 85% do financiamento virá da Airbus e bancos europeus, declarou por sua parte Farhad Parvaresh, o presidente da Iran Air.
A indústria aérea no Irã esteve sujeita a um embargo dos Estados Unidos desde 1995, que impedia os fabricantes ocidentais de vender equipamentos e peças de reposição para empresas iranianas, acabando com parte de sua frota.
A frota iraniana tem atualmente 140 aeronaves em operação, cuja idade média é de cerca de 20 anos.
O chefe da aviação civil iraniana havia indicado em meados de abril que o Irã precisaria de 400 a 500 aviões na próxima década.

Da Exame

1 comentários:

Xracer disse...

Posição algo antipática, dizerem que não irão (Irã irão...) comprar e sim arrendar porque o dinheiro deles é contado e deverá ser usado para melhores fins. Seria algo como ir numa concessionária, escolher, pechinchar por horas e no fim dizer que não vai comprar porque seu dinheiro é limitado. Algo bem típico da arrogância persa mesmo.

Frases

Popular Posts

Postagens mais visitadas

Popular Posts