GeoEstratégia, Aviação, Defesa, História, Conflitos, dentre outras coisas...

sexta-feira, novembro 07, 2014

Piloto do MH370 cortou oxigênio da cabine e avião afundou inteiro, diz livro

By on 7.11.14
 O piloto do voo MH 370 da Malaysia Airlines, que desapareceu em março com 239 pessoas, teria deliberadamente despressurizado a cabine – matando a maioria dos passageiros -, e depois pousado o avião no mar, onde ele afundou inteiro, sem deixar destroços.

A afirmação foi feita por dois investigadores de acidentes aéreos, Geoff Taylor e Ewan Wilson, no livro 'The Truth Behind the MH 370 Loss' (ou 'a verdade por trás da perda do MH 370). Eles não integram as equipes oficiais de investigação do caso, mas afirmaram que a publicação é resultado de um estudo que analisou todos os cenários possíveis da tragédia.

Segundo os autores, o piloto Zaharie Ahmad Shah despressurizou a cabine, o que fez com que máscaras de oxigênio caíssem do teto. O suprimento de ar, no entanto, teria sido suficiente para apenas 20 minutos. Depois deste tempo os passageiros morreram asfixiados.

"Como o voo era noturno, é possível que muitas pessoas não tenham visto as máscaras caindo. Elas devem ter morrido em poucos minutos", dizem os autores.

O livro afirma ainda que Zaharie trancou o copiloto do lado de fora da cabine e sobreviveu respirando seu próprio suprimento de ar, que durou cerca de 40 minutos. Depois ele pressurizou novamente a cabine e pousou o avião no mar, onde ele afundou inteiro, sem deixar destroços aparentes.

Do UOL

0 comentários:

Frases

Popular Posts

Postagens mais visitadas

Popular Posts