GeoEstratégia, Aviação, Defesa, História, Conflitos, dentre outras coisas...

domingo, julho 15, 2012

S-300: Irã quer US$ 4 bilhões da Rússia

By on 15.7.12
O Ministério da Defesa do Irã e a associação comercial norte-americana The Aerospace Industries Organisation reapresentaram uma queixa à Convenção Europeia Sobre Arbitragem Comercial Internacional, em Genebra, contra a empresa estatal russa Rosoboronexport.  

Segundo a parte iraniana, a empresa russa responsável pela venda de equipamentos militares ao exterior deve pagar quase US$ 4 bilhões pelo não cumprimento de contratos de venda de armas.  

O ministério iraniano apresentou a primeira reclamação em abril de 2011, mas a data do julgamento ainda não foi definida.   

O contrato para o fornecimento dos sistemas de mísseis antiaéreos S-300 ao Irã foi assinado no final de 2007.

De acordo com o documento, a Rússia deveria entregar cinco grupos dos sistemas S-300PMU-1, que custam aproximadamente US $ 800 milhões.  

No entanto, em setembro de 2010, o presidente russo Dmítri Medvedev assinou um decreto sobre implementação de sanções do Conselho da ONU, que proíbe a fornecimento dos sistemas S-300, veículos blindados, aviões de combate, helicópteros e navios ao Irã.

Teerã repetidamente insistiu que o Moscou cumprisse os termos do contrato de fornecimento de S-300.   


click photos to enlarge
Iran S-300 type launcher variants. The Babr series carriers are not identical in detail, and the launch canisters appear to sit slightly differently on their respective flatbed sections.

Missile launch canister detail. Circular reinforcements are evident, as are signs of sectional welding to the canisters themselves.

Simplified erector assembly (over S-300 and HQ-9)
Iran Big Bird (Tombstone) variant long-range surveillance radar

Iran Nebo variant Counter Low Band Surveillance Radar


Em janeiro deste ano, o embaixador do Irã em Moscou, Mahmou Reza Sadjadi, declarou que a parte russa devolveu o pagamento adiantado e pagou a multa por não fornecer sistemas de mísseis antiaéreos S-300. Em setembro do ano anterior, o diretor-geral da Rosoboronexport, Anatóli Isáikin, tinha afirmado que a empresa devolveu ao Irã US$ 167 milhões após o cancelamento a compra dos S-300.

Fonte: Gazeta Russa

0 comentários:

Frases

Popular Posts

Postagens mais visitadas

Popular Posts